• Home
  • NATUREZA SELVAGEM

NATUREZA SELVAGEM

DVD demo de la colección.

hispania0_titular

Descrição da Obra

Conhecer a natureza é conhecermelhor a vida porque a suaimensidão e liberdade nos fazem pensar no que somos, no que nos cerca, engrandece e limita. A natureza, que representa o que jáexistia antes de nós e o que deverá permanecer quando jánão couberao Homem a responsabilidade de organizar o mundo, é o espaço em que nos integramos e em que procuramos resposta para perguntas tãoancestrais e profundas como estas: quem somos? de onde viemos? para onde vamos?

Desde as épocas mais remotas que o ser humano procuroudeixarregistonas pinturas pré-históricas da suarelaçãocom os animais e com a transcendênciadessapartilha de que passou a depender a suaalimentação, seuagasalho e a suacapacidade de criar raízes nos lugares em que depoisnasceram as cidades, as civilizações, os grandes sonhos transformadores.

Escreveuumdia o filósofo e escritor francês Voltaire que “a naturezaconduz-se não se muda”. Dizendoisto, proclamou o princípio segundo o qual a natureza, guiada pelas regras que o tempo consolidou, temumaliberdadeprópria e inalterável que está patente no modo como os animaisvivem e lutam pela sobrevivência norteados pelas necessidades básicas da alimentação, da procriação e da preservação em relaçãoàsmutações climáticas.

Sejaqualfor o grau de desenvolvimento tecnológico das nossas comunidades, nunca deixamos de depender das espécies que existem à nossa volta. Não sabemos aocertoquantassãomas sabemos que a pressa, a ganância e a sede de lucro destruíramalgumasirremediavelmente. O próprio ser humano deveráacautelar-se para que a evolução das nossas sociedades nãovenha a pôr em risco a suaexistência.

Esta obra, que existe para ser lida mastambémpartilhadacom as geraçõesmaisjovens, pode ser umaferramentaessencial para reforçar a convicção de que não pode existir uma vida equilibrada e sustentável se nãoassentarnumarelação justa e sensível entre o ser humano e a natureza. Os animais, as plantas e os riosconfirmamumsábiocomentárioproduzido pelo astrónomo Copérnico quando sabíamos aindamuitopouco sobre o universo e sobre a origem e evolução das espécies: “A sabedoria da natureza é tal que nãoproduz nada de supérfluoou inútil”. O ser humano não é capaz de ter o desejo de imitar essaciência que constantemente nos fascina e desafia. Se soubermoscoabitarcomela, conseguiremos vivermais tempo e melhor.

Talvez o essencial sobre o modo como nos relacionamos com a natureza e tentamos interpretar as suas virtudes e ameaçaspossa ser encontrado nasseguintespalavras de Albert Schweitzer: “O mundo tornou-se perigoso, porque os homensaprenderam a dominar a natureza antes de sedominarem a si mesmos“.

Os volumesdesta obra sãojanelas que se abrem para o espaço iluminado em que nos devemos integrar mas que nunca poderemos dominar, porque a sualiberdade e a sua lógica intrínseca nos limitam e nos convocam para o exercícioquotidiano de sabermosmelhorquem somos, o que queremos e para onde vamos. Lemo-lo epercebemos que existe neleumirrecusáveldesafioaoconhecimento e à nossacapacidade de o partilharmos.

A naturezanãogosta de guerra, nãogosta que a agridam e contaminem. Gosta de ser livre para poder dar liberdade a quem a povoa e tantas vezes transforma semrespeitarregras, valores e princípios. Quem limita e trata mal a naturezadeixa de ser capaz de vivercomela. O nossoprogresso nunca pode traduzir-se naameaça e nadestruição das espéciesanimais que comesteslivros aprendemos a conhecermelhor e a respeitaradequadamente. Semelasficamosmais pobres e ameaçados.

Como umdiadisse o poeta Ralph Emerson, devemos adoptar o ritmo da natureza porque “o segredo dela é a paciência”. É essa a sua arte e a suaciência, a suaimensacapacidade de lidarcom o tempo. Aprendamos essa arte comela. Por ela e por todos nós.

Hojevivemconnosco cerca de sete milhões de espécies. É essa a nossa riqueza e a nossadiversidade. Se formoscapazes de as respeitar e enriquecer seremos maisfortes e maislivres e teremos asas bastantes para poder sonhar e viver em paz comquem, sendo animal, partilha o mundo e a vida connosco.

JOSE JORGE LETRIA
PREFACIADOR DA OBRA

Características Técnicas

• 6 luxuosos volumes + 1 luxuoso volume para DVD’s
• Luxuosa encadernação em Pele com textura Real Animal Leather
• Estampagens em Prata de Lei
• 5000 fotografias em alta definição HD. A técnica de produção e impressãomaisavançada existente em fotografia.
• Fotografias e imagens em página dupla em tecnologia de última geração 3D. A fotografia contém duas imagens filtradas por cor, uma para cada olho; quando são observadas com óculos 3D de lentes especiais para cada olho, produz-se um fenómeno de síntese de visão binocular espetacular.
• Mais de 2000 páginas totalmente em cor HD.
• Produzida em Papel Arte de 170 gramas, utilizado exclusivamente na edição dos catálogos dos 8 museus mais importantes do mundo.
• 2 DVD’s com os documentários “Ártico Extremo e as Garras do Terror” da prestigiada produtora internacional NationalGeographic.
• 2 DVD’s com os documentários “Santuários Selvagens, África e Santuários Selvagens, Madagáscar, Groenlândia e Europa”, nos quais se oferece um magnífico percurso a nível mundial, conhecendo toda a diversidade e plenitude da Natureza Selvagem.
• A caixa geral inclui óculos 3D.
• Atas de declarações de AbanteraEdiciones assinada perante o notário José Rivas Guardo, certificando a Edição limitada de tão-só 3000 exemplares de produção em Espanha, constando o número de Edição na página 7 do Volume I de cada Coleção.
• Atas de declarações de AbanteraEdiciones assinada perante o notário José Rivas Guardo, certificando o valor económico da obra.
• Informação do ISBN Agência Estatal do Ministerio de Educación, Cuturay Deporte, sobre o valor económico da obra completa.
• Certificado Empresarial, atestando que esta coleção Vida Animal corresponde à primeira parte da Saga Mestra Natureza Selvagem.
• Obra prefaciada por Fernando ÓnegaLopez, antigo Diretor do Gabinete de Comunicação da Presidência do Governo de Adolfo Suárez, autor do célebre Posso Prometer, e Prometo. Foi Diretor do “DiarioYa”, dos serviços de informação da “Cadena SER”, dos serviços de informação da “Cadena COPE” e Diretor Geral de “Onda Cero”. Em televisão, foi Diretor do programa de informação da TVE “SieteDías”, além de apresentador de programas de informação da Tele 5 e da Antena 3.
• Contém prefácio oficial da obra no volume I de cada coleção.

Equipa Técnica

Natureza Selvagem, Vida Animal é umaprodução e edição exclusiva de Abantera Ediciones, realizada por mais de 5300 pessoas que compõem os recursos humanos da empresa (entre Operadores de câmara, Fotógrafos, Equipas de redação, Historiadores, Documentalistas, Repórteres gráficos, Designers, Paginadores, Produtores, Editores, Diretores executivos, etc…) e comumaduração de execuçãode 11 anos, desde o começo da produção até à suaprimeiraedição publicada, sempre coma finalidade de ofereceraonosso CLIENTE FINAL a obra cimeira de Natureza Selvagem, Vida Animal.

ISBN

ISBN: 978-84-17012-20-5

Clique aqui para ter acesso direto à página web Oficial do Ministério da Educação, Cultura e Desporto. Introduzindo o número de ISBN indicado, poderá aceder a informações mais detalhadas.

Preço

5983,70 € (I.V.A. não incluído).

Conteúdo da obra

VOLUME I: MAMÍFEROS – OS REIS DA NATUREZA

CARACTERÍSTICAS GERAIS DOS MAMÍFEROS

Os mamíferos são animais vertebrados de sangue quente e classificam-se em 2 grandes grupos: vivíparos e monotrématos. Na maior parte dos mamíferos, os fetos desenvolvem-se no ventre materno e, uma vez dados à luz, são alimentados com o leite que a mãe produz para eles.

CARACTERÍSTICAS GERAIS DOS MAMÍFEROS

Existem várias formas de classificar os mamíferos, sendo uma das mais habituais a que divide esta classe (com cerca de 4600 espécies) em três subclasses; os Prototérios, ou mamíferos que põem ovos, os Metatérios, ou mamíferos marsupiais, e os Eutérios, ou mamíferos placentários.

ESPÉCIES:

• Raposa-do-ártico
• Chita
• Chacal
• Jaguar
• Leão
• Tigre
...

LINCE IBÉRICO

O Lince ibérico é considerado como o felino mais ameaçado do mundo. Calcula-se que a atual população selvagem do Lince Ibérico seja inferior a 1200 exemplares e que, entre estes, só existam cerca de 300 a 350 fêmeas em idade reprodutiva. A base da sua dieta é coelho, embora, na época invernal, quando a população deste último é reduzida, procure outros alimentos, como patos, cervos e diversos roedores.

VOLUME II: MAMÍFEROS - GIGANTES E SURPREENDENTES.

ESPÉCIES:

• Rinoceronte
• Mandril
• Corça
• Urso
• Gnu
...

MANDRIL:

A esperança média de vida de um Mandril é superior a 20 anos no seu habitat natural das selvas tropicais da África equatorial. Podem constituir grupos de aproximadamente 200 indivíduos, o que o torna num animal extremamente familiar. Os machos chegam a ter 1 metro de altura e possuem caninos de até 12 cm de comprimento.

VOLUME III: AVES – ENTRE O CÉU E A TERRA.

CLASSIFICAÇÃO CIENTÍFICA GERAL DAS AVES:

Existem dois tipos de aves: as corredoras ou ratitas, nas quais se incluem todas as aves terrestres incapazes de voar, e as voadoras, as que possuem capacidade de voo.

CARACTERÍSTICAS GERAIS DAS AVES:

As aves são animais de sangue quente que caminham, saltam ou mantêm-se somente sobre os membros posteriores, enquanto os anteriores se apresentam geneticamente modificados em asas, o que constitui uma característica anatómica exclusiva das aves e que, na maior parte dos casos, lhes permite voarem.

BIOLOGIA DAS AVES:

As aves estão cobertas de penas que utilizam em dois aspetos fundamentais: a capacidade de voo e a regulação térmica. Apresentam um bico com tamanho e forma variáveis em função da espécie e da respetiva alimentação. Trata-se de animais ovíparos, o que significa que, para se reproduzirem, colocam ovos nos quais as crias se desenvolvem até ao nascimento.

EVOLUÇÃO:

As aves tiveram origem nos dinossauros carnívoros bípedes do Jurássico, há 200 milhões de anos, e são de facto os únicos dinossauros que sobreviveram à extinção massiva ocorrida no final do Mesozoico.

ESPÉCIES:

• Arara
• Flamingo
• Pinguim
• Avestruz
• Emu
...

COLIBRI:

Trata-se da ave mais pequena do mundo e a única que consegue voar para trás, além de ser capaz de o fazer também para baixo e de realizar mudanças de direção bruscas, com uma precisão comparável com a de um helicóptero. O segredo desta precisão é o facto de conseguir bater as asas 80 vezes por segundo, o que lhe permite, além do mais, manter-se em suspenso no ar.

VOLUME IV: PEIXES – A RIQUEZA DOS NOSSOS MARES

CLASSIFICAÇÃO CIENTÍFICA E GERAL DOS PEIXES:

Existem duas famílias principais; Agnatha ou Agnatos, caracterizados principalmente por não possuírem mandíbulas, e Gnathostomata ou Gnatostomados, uma superclasse que integra os animais com mandíbulas, assim como com esqueleto cartilaginoso ou esqueleto ósseo.

CARACTERÍSTICAS GERAIS DOS PEIXES:

Os peixes (21 000 espécies conhecidas) são animais aquáticos vertebrados que, por contarem com brânquias, são capazes de respirar debaixo de água. Por norma, trata-se de animais ovíparos que possuem geralmente barbatanas que lhes permitem deslocar-se com facilidade e que têm, além disso, o corpo coberto com escamas.

BIOLOGIA DOS PEIXES:

A reprodução nos peixes varia em função das 3 classes existentes: vivíparos, ovíparos e ovovivíparos.

ESPÉCIES:

• Manta
• Esturjões
• Quimera
• Peixe-gato
• Tubarão
...

TUBARÃO-BALEIA:

É o maior peixe do mundo, chegando a medir 12,65 metros de comprimento, embora haja quem afirme ter visto exemplares com 23 metros. Conta com uma duração média de vida de 100 anos, mas alguns consideram que pode chegar a viver até aos 150 anos. Apesar de possuir uma boca enorme (1,5 m de largo), alimenta-se de plâncton, ainda que varie por vezes a sua dieta, alimentando-se de cardumes de pequenos peixes e lulas. Nós, humanos, não fazemos parte da sua dieta, o que constitui mais uma razão para os conhecermos.

VOLUME V: ANFÍBIOS E INVERTEBRADOS – CRIATURAS IMPOSSÍVEIS.

CARACTERÍSTICAS GERAIS DOS ANFÍBIOS:

Os anfíbios podem viver tanto em terra como debaixo de água. Por norma, quando são jovens possuem brânquias e vivem dentro de água, e no estado adulto desenvolvem pulmões e passam a viver em terra. Pertencem à classe de vertebrados anamniotas, tetrápodes e ectotérmicos.

EVOLUÇÃO DOS ANFÍBIOS:

Por volta do período Devónico superior, há cerca de 360 milhões de anos, deu-se a transição dos seus antepassados (um grupo primitivo de peixes) da vida aquática para a terreste. Hoje em dia, os Celacantos, verdadeiros fósseis vivos, são os antepassados mais próximos dos atuais anfíbios.

BIOLOGIA DOS ANFÍBIOS:

Existem atualmente cerca de 6350 espécies, classificadas em três subfamílias: anuros, caudados e gimnofionos.

ESPÉCIES:

• Salamandra
• Salamandra-de-costelas-salientes
• Axolote
• Tritão-sereia (sirena)
• Tritão
...

ORNITORRINCO:

O ornitorrinco é bastante singular, se não, vejamos: põe ovos e possui glândulas mamárias, conta com um bico de pato, mas está coberto de pelo, e, apesar de ter sangue quente, dispõe de um esqueleto que é característico dos répteis, animais de sangue frio.

CLASSIFICAÇÃO CIENTÍFICA E GERAL DOS INVERTEBRADOS:

Por norma, fala-se de dois grandes grupos de invertebrados: os artrópodes (com mais de 1 milhão de espécies) e os anelídeos, divididos por sua vez em duas subespécies: os terrestres e os aquáticos.

CARÁCTERÍSTICAS GERAIS DOS INVERTEBRADOS:

Os invertebrados são os animais que não possuem coluna vertebral, ou sejam, carecem de vertebração, pelo que não pertencem ao subfilo dos vertebrados, integrado no filo dos cordados.

BIOLOGIA DOS INVERTEBRADOS:

Traços distintivos, distribuição e relações dos invertebrados, arquitetura e organização corporal, desenvolvimento e regeneração.

ESPÉCIES DESCRITAS:

Coral-vermelho, Água-viva, Polvo, Lagosta, Escorpião, Caracol terrestre.

VOLUME VI: RÉPTEIS – SANGUE FRIO.

CLASSIFIAÇÃO CIENTÍFICA E GERAL DOS RÉPTEIS:

Existem 2 famílias de répteis: os ovíparos (com mais de 5000 espécies), que põem ovos, como é o caso dos lagartos ou lacertídeos, e os ovovivíparos, como as serpentes ou ofídios. Por norma, têm sangue frio e apresentam uma temperatura variável, que é regulada em função do calor do habitat.

CARACTERÍSTICAS GERAIS DOS RÉPTEIS:

Os répteis são animais vertebrados que carecem de patas, ou que as apresentam curtas, e que habitualmente roçam o ventre no solo quando se deslocam. Trata-se de animais com pele coberta de escamas de queratina, uma substância proteica que lhes possibilita viverem em habitats desérticos.

EVOLUÇÃO DOS RÉPTEIS:

Os primeiros répteis surgiram há aproximadamente 320 milhões de anos, no período carbonífero, a partir de uma das linhas evolutivas dos anfíbios. Depois do surgimento dos primeiros répteis primitivos, houve uma extraordinária diversificação dos mesmos, com a qual chegaram a existir exemplares de tamanhos gigantescos, conhecidos por todos pelo nome de dinossauros.

ESPÉCIES:

• Camaleão
• Crocodilo
• Tartaruga
• Aligator
• Cobra
...

DRAGÃO DE KOMODO:

Trata-se do maior réptil do mundo na atualidade, podendo chegar a medir até 3 metros de comprimento e a pesar uma média de 100 quilos. Embora de aparência tranquila, é na verdade um dos animais mais perigosos do mundo, e não surpreende que assim seja, pois é capaz de devorar grandes presas como cabras, veados, porcos ou inclusive humanos. Quando morde a presa, a sua saliva saturada de bactérias tóxicas provoca uma infeção mortal em qualquer animal, levando a uma morte lenta e dolorosa.

VOLUME EM TAMANHO REAL

Conteúdo dos DVD's

Descubra todos e cada um dos animais do nosso ecossistema com esta fantástica coleção em DVD absolutamente imprescindível.

DVD 1:

AS GARRAS DO TERROR.

DVD 2:

SANTUÁRIOS SELVAGENS, ÁFRICA.

DVD3:

ÁRTICO EXTREMO.

DVD 4:

SANTUÁRIOS SELVAGENS: MADAGÁSCAR, GROENLÂNDIA, EUROPA.

 

http://abanteraediciones.com/web/wp-content/themes/rhapsody/plugins/dzs-imageeffects/img/over2.pnghttp://abanteraediciones.com/web/wp-content/themes/rhapsody/plugins/dzs-imageeffects/img/over2.pnghttp://abanteraediciones.com/web/wp-content/themes/rhapsody/plugins/dzs-imageeffects/img/over2.pnghttp://abanteraediciones.com/web/wp-content/themes/rhapsody/plugins/dzs-imageeffects/img/over2.pnghttp://abanteraediciones.com/web/wp-content/themes/rhapsody/plugins/dzs-imageeffects/img/over2.pnghttp://abanteraediciones.com/web/wp-content/themes/rhapsody/plugins/dzs-imageeffects/img/over2.pnghttp://abanteraediciones.com/web/wp-content/themes/rhapsody/plugins/dzs-imageeffects/img/over2.pnghttp://abanteraediciones.com/web/wp-content/themes/rhapsody/plugins/dzs-imageeffects/img/over2.png